Categorias
amor Divagação improváveis - livro de poemas Poema Curto Poesia

Série poema curto- Gostar pelo avesso

Categorias
amor Arte Poesia Sentimentos

Série o outro lado da janela- Florais – brotados

Categorias
amor Arte Experimentações Poema Poesia Série

Série de improviso – apontamentos do que é o belo

os olhos
puros
enxergam
o belo

o olhar
não traduz
a beleza
do outro
mas de si

O olho
espelha
a própria
beleza

No olhar
o belo
está
de
dentro para fora

Não é o belo
que invade o olhar
é o olhar
que ressignifica
a paisagem

O belo
é o olhar

GeraldoCunha

Categorias
Agradecimento amor Arte Elos Experimentações ilustração Pensamentos Poema Poema Curto Poesia psicologia Reeditados Saudade Série Sem indiretas Sentimentos surtados Tempo

Série especial- retrospectiva divagações & pensamentos

Categorias
Agradecimento amor Arte cotidiano Crônicas desenho Divagação Elos Emojis Experimentações Felicidade fotografia Haikai ilustração improváveis - livro de poemas Improviso Natureza Não se preocupe... Oração paixão Pensamentos Poema Poema Curto Poema Virginiano Poesia poesia concreta Politicando prosa psicologia Reeditados Sarcasmo e humor Saudade Série Sem indiretas Sentimentos surtados Tempo Vale a pena publicar de novo

Improváveis – Livro de poemas (GeraldoCunha)

Uma ótima leitura para começar o ano de 2022

Poesia leve, falando sobre o cotidiano, sentimentos, vivências.

Aquisição https://editorialcasa.com.br/produto/improvaveis-livro-de-poemas/

Venham compartilhar desta experiência comigo.

Pode ser adquirido também pela Amazon e em loja física na Martins Fontes Paulista.

Ou caso prefira…mande um direct pelo Instagram @divagacoes.geraldocunha (aqui com possibilidade de ir autografado)

GeraldoCunha/2021

Categorias
amor Arte desenho Experimentações ilustração improváveis - livro de poemas Improviso Pensamentos Poema Poesia

Série de improviso- Apontamentos do que é o belo

Categorias
amor ilustração Improviso Poesia Sentimentos

Série afetos – infinito são os olhos

Categorias
amor ilustração Improviso Pensamentos Poema Poesia

Série afetos – dias roubados

Categorias
amor Arte desenho ilustração Poema Poema Curto Poesia Série Sem indiretas surtados

Série improváveis (moral da história)

Uma ilustração perfeita é só mais uma ilustração.
Uma ilustração com as imperfeições, da exclusividade dos traços trêmulos da emoção do momento, tem uma história para se contar.

TextoEarte

GeraldoCunha (2021)

Categorias
Agradecimento amor Arte Improviso Pensamentos Poema Poesia Série Sentimentos Tempo

Série cotidianos ESPECIAL – Drummond-se

À sombra do tempo
A moça na calçada desfila
sisuda
O atleta sobe as escadas
desce e sobe
tem pressa dos movimentos
surdo ao seu arredor
sibila
em círculos
tonteio só vendo
sorvendo o tempo
procuro
quero sentar
ao longe de mim
quietar

Um cachorro carrega
em sua guia as mãos
arrochadas
Outros livres
latem correm
urinam
no tempo da grama
O homem caminha açodado
outro e outro tantos e nenhum

Tantas coisas só acontecendo
ao mesmo tempo
Tempo do sinal
Tempo da buzina
dos sem tempo
Não vou falar mais do tempo
ando vago urgente
Muito de nós fica no vento

Sento no banco da praça, abro a bolsa, guardo o sem tempo e liberto Drummond…
…”no meio do caminho tinha uma pedra/nunca me esquecerei desse acontecimento”.

(GeraldoCunha/2021)

Categorias
amor Felicidade Improviso paixão Pensamentos Poema Poesia Sentimentos

Série sentimental- criança

Categorias
Agradecimento amor Elos Felicidade Poema Poesia Sentimentos

Série o poeta

Série dedicadas às pessoas que amam amar a arte de escrever e ler

Gratidão!

Categorias
Agradecimento amor fotografia Poema Poesia Saudade Sentimentos

Série uma saudade – episódio 5

Categorias
Agradecimento amor Poema Poesia Saudade Sentimentos

Série uma saudade – episódio 4

Categorias
Agradecimento amor fotografia ilustração Pensamentos Poesia Saudade

Série uma saudade – episódio 3

Categorias
Agradecimento amor cotidiano Poesia Saudade Sentimentos

Série uma saudade – episódio 2

Categorias
Agradecimento amor Poesia Saudade

Série uma saudade – episódio 1

Categorias
amor Improviso Pensamentos Poesia Sem indiretas Sentimentos

Série enigmático

Categorias
Agradecimento amor Pensamentos Poesia Saudade Sentimentos Tempo

Reeditado- Útero

Categorias
Agradecimento amor desenho Felicidade Oração Pensamentos Poema Poesia

M.A.T.E.R.N.O. especial dia das Mães

[do latim maternu]
seus sinônimos

adjetivo substantivado.

afagos afetuosos
na barriga que cresce
rompido o cordão umbilical
lágrimas esquecidas das dores
no primeiro beijo melado

risos soltos ou severos
nos acalantos diários
que sobrevoam a noite
ninam choros insistentes
dengosos dos carinhos

cafuné na criança
aproveitada do colo de mãe
que renuncia aos cansaços da lida
entregando-se ao ócio maternal
advertindo [com iras disfarçadas] as bobas traquinagens

braços que acolhem
a adolescência rebelde
recolhendo as próprias angústias
curando dores alheias
lambendo a cria
tantas arredias

amor inconteste
que acompanha adulta vida
de quem vê eterna criançola
fingindo não carregar tristezas suas
doando-se por inteira
incondicionalmente

Geradora, Defensora, Mãe, Cuidadora, Madre, Protetora, Mamãe.

(GeraldoCunha/2021)