Carência


Estou também no Instagram: @divagacoesgcc.geraldocunha

…poema (com)sequência…

Não confunda carinho com carência.
Se te agarro e abraço
Não é para prender.
É para acolher
E me aquecer.
As noites são frias!
Se quero sempre estar
Não é para te vigiar
É para alegrar minha noite
E para saber do seu dia,
Gosto de preencher os vazios!
Pode ser mesmo carência,
Mas prefiro pensar que é carinho.

(GeraldoCunha/2019)