Saudade dormida


A saudade fica escondida no coração!
Dormida no travesseiro
Em que repousam as lágrimas,
À espera do refrão.

A saudade rabisca o papel!
Rasurando as partituras,
Enchendo o ar de emoção,
Ecoando nas canções.

A saudade dormida,
Embalada pela canção,
Acalanta o coração,
Faz companhia para solidão.

(GeraldoCunha/2019)

Anúncios

6 comentários sobre “Saudade dormida

    • Cada pessoa tem um olhar diferente sobre a saudade, mas acho que não há dúvida de que é, como diz, “sinal de que foi bom”. Por isto é sempre o melhor ingrediente para os poemas. Gratidão sempre!

      Curtir

  1. a saudade é como um temporal, às vezes forte, quase tempestade, lança granizos ao chão, bate lenta quando chega a noite, amanhece sem sol e continua caindo e de repente, em outro dia, levanta com o sol já aquecendo as horas e sai a passear sem esquecer o recado: voltarei. bom ler sobre um sentimento tão pessoal, tão único e que revela tanto do que um dia foi presente. um grande abraço.

    Curtido por 1 pessoa

    • Um poema comentado com outro poema mais lindo ainda, isto é muito bom! Saudade é todo este arrebatamento e sempre um tema sobre o qual gosto de debruçar meu olhar, seja pelas minhas mais variadas percepções, seja pela percepção de outras pessoas. Obrigado sempre! Gratidão e forte abraço!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s