Sentidos turvos

Estamos surdos.
Inebriados pelos pensamentos,
Ignoramos!
Não ouvimos o trovão
E a chuva passa!

Estamos cegos.
Encantados pelo reflexo,
Iludimos!
Não vemos a escuridão
E pisamos nos cacos!

Estamos anosmáticos.
Camuflados por aromas,
Sufocamos!
Não apreciamos os jardins
E as flores secam!

Estamos insossos.
Paranóicos com os padrões,
Devoramos!
Não sentimos o paladar
E a maçã está podre!

Estamos mudos.
Amordaçados pelas convicções,
Reprimimos!
Não gritamos por socorro
E a vida passa em silêncio!

(GeraldoCunha/2019)

Anúncios

5 comentários sobre “Sentidos turvos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s