Machuca-me com seu amor


(NÃO ME LEMBRO DA SUA VOZ é um poema de marco/2017)///…
O seu amor me fere
Tatuado em meu corpo
Rasgando minha pele

O seu amor me machuca
Gravado em meu caule
Eternizado em dor

O seu amor me sangra
Riscado a canivete
Secando minha seiva

(GeraldoCunha/2018)

3 Comments

    1. Obrigado Dulce. Tenho saído muito para fotografar em parque e passou a ser uma rotina ver este tipo de ‘declaração de amor’ (vandalismo), tenho feito registros fotográficos disto não por achar bonito, mas para chamar a atenção das pessoas.

      Curtido por 1 pessoa

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s