Desacreditar


(Gostou? veja também Poema da indiferença)///.
Não quero mais acreditar
Nas expectativas
Quero ver acontecer
Se não for por aí
De outro modo
Melhor que não venha
Não vê que me apaixono
Logo na primeira hora?

Não quero mais aceitar
As decepções
Falsas promessas
Que me fazem acreditar
Cegamente
Até não mais
Não vê que me decepciono
Logo na ausência?

Não quero mais falar
Das indiferenças
Quando o que espero
Para além
É ser o foco
O oásis e a miragem
Não vê que fico invisível
Logo que se quebra o espelho?

(GeraldoCunha/2018)

5 comentários sobre “Desacreditar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s