Construindo pontes


(Gosotu? veja também Poema da esperança )…
Que sobrevoam águas
Transpondo os rios
Invadindo os oceanos
Encurtando os vales

Que rompem obstáculos
Acelerando o tempo
Desbravando o inóspito
Encurtando os passos

Que ligam dois lados
Estendendo-se como braços
Aproximando os abraços
Encurtando os laços

(GeraldoCunha/2018)

Anúncios