Os fantasmas dos meus erros


(Gostou? veja também Zero hora)…
Os fantasmas me perseguem
São meus erros assombrando
São minhas culpas visitando
São meus medos hipnotizando

Os meus erros me atormentam
São meus fantasmas internos
São minhas culpas quase reveladas
São meus medos diante do inesperado

As minhas culpas me martirizam
São meus medos me contendo
São meus fantasmas me diminuindo
São meus erros me denunciando

Os meus medos me atropelam
São meus erros me crucificando
São minhas culpas me alucinando
São meus fantasmas me apontando

…inspirado no poema/música ‘Quem me leva os meus fantasmas’ de Pedro Abrunhosa 

(GeraldoCunha/2018)