Quanto mais, menos…

Quanto mais…

Quanto mais tento me simplificar, sinto-me mais complexo.
Quanto mais tento me fazer compreender, sinto-me mais incompreendido.
Quanto mais tento me aproximar, sinto-me distanciando mais e mais.
Quanto mais tento ser grupo, sinto-me mais isolado.
Quanto mais tento ser nativo, sinto-me mais estrangeiro.

…menos.

(GeraldoCunha/2017)