Novela da Vida Real – Uma ficção continua…

CAPÍTULO 6

Estavam apaixonados e iriam se conectar, chegaram ao restaurante afastados apenas por alguns pouco minutos, distraídos serviram-se como de sempre, não havia tempo para novidades gastronômicas, a expectativa era o encontro marcado, seria o primeiro almoço juntos. O restaurante era pequeno, aconchegante, de decoração acolhedora, daqueles que convidam o amor a sentar à mesa. No entanto, a seu modo, escolheram mesas próximas e sentaram-se, mas não trocaram olhares, o pensamento estava no encontro virtual. Logo colocaram os pratos de lado e se reconectaram, não havia pressa, não estavam com fome. Assunto nunca faltava e sem perceberem o tempo marcou presença, era preciso seguir com suas vidas. A tarde veio, acompanhada ao longe pela noite que logo lhe alcançou. Era momento de voltarem para suas casas, desde o almoço não se falavam e a distância era angustiante, tantos assuntos não foram concluídos, quantos outros surgiam em suas mentes e motivavam sorrisos solitários. Era preciso observar o semáforo ao atravessarem a rua e também o número do ônibus que os levariam às suas casas, tudo o mais não tinha importância. Estavam lado a lado, tão apaixonados que não se preocuparam com detalhes pessoais, nem mesmo pensaram em marcar um encontro real. Os dias foram passando, as noites chegavam e iam, já eram virtualmente íntimos, suas vidas estavam entrelaçadas. Foi o que pensaram, era o que bastava e os satisfazia. Continuavam apaixonados, mas, no conforto desta relação, as conversas foram se espaçando.

CAPÍTULO 7

Continuavam apaixonados, mas, no conforto desta relação, as conversas foram se espaçando…