Divagação 37

Quando se pensa que sobre tudo se falou, o tudo se renova, dando espaço a novas composições. Nada é como o foi no instante que se passou e se foi pode até voltar, mas já não terá a mesma forma, de algum modo se renovou, permitindo uma nova perspectiva.


(GeraldoCunha/2016)