Adoráveis diabinhos – momento ternura

Só não dormi com os anjos, porque os adoráveis diabinhos que povoavam meus sonhos me atiçavam as ideias.
Danadinhos eles que agora vão repousar felizes por terem cumprido tão bem sua tarefa, enquanto eu fico com o sono.
(GeraldoCunha/2016)

One Comment

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s